Pages

segunda-feira, 5 de março de 2018

OSCARS 2O18 — ¡Viva México!


Chamem-me profeta (ou brujo) mas no ano passado utilizei a expressão "novela mexicana" para descrever a gala dos Óscares e não é que este ano aconteceu, literalmente, isso? Desta vez sem percalços amadores, a 90ª edição da premiação mais popular do cinema mundial destacou The Shape of Water como o grande vencedor.

Confirmando as expectativas, a longa-metragem do género fantástico que se juntou a outros grandes como um dos filmes mais nomeados de sempre (13), ganhou 4 estatuetas, incluindo "Melhor Filme", "Melhor Realizador" (Guillermo Del Toro), "Melhor Banda Sonora" e "Melhor Design de Produção". 

Referi na publicação dos meus filmes favoritos de 2017 que o meu grande favorito ao galardão mais importante da noite era Call Me By Your Name — foi para casa com apenas uma estatueta por "Melhor Argumento Adaptado" — mas sabia perfeitamente que a decisão final da Academia seria entre Shape of Water e Three Billboards Outside Ebbing, Missouri. Sinceramente tenho um amor tão grande por ambas produções que fico feliz com a vitória de qualquer uma delas.

Por falar em "cartazes à beira da estrada", aquele monstro da interpretação que responde pelo nome de Frances McDormand venceu, mais que merecidamente, o prémio de "Melhor Actriz", e o colega Sam Rockwell, "Melhor Actor Secundário". Encerrando a categoria de representação, toda ela sem quaisquer surpresas, o querido Gary Oldman (lamento, mas é inevitável utilizar esta expressão para o descrever), finalmente recebeu a distinção máxima na sétima arte com o Óscar de "Melhor Actor" (Darkest Hour), — o Timothée Chalamet também merecia. O seu Élio em Call Me By Your Name merecia uma ovação de pé — assim como Allison Janney que após tantos anos de carreira, recebeu a sua primeira nomeação e vitória de "Melhor Actriz Secundária", pela exímia interpretação de Lavona Harding em I, Tonya.


No departamento de animação também não houve surpresas com Coco a ganhar o prémio de "Melhor Filme" — a única competição real era Loving Vincent, uma verdadeira obra-prima — e Dear Basketball o de "Melhor Curta-Metragem". Dunkirk brilhou, previsivelmente, no departamento de som ao vencer nas categorias de "Melhor Montagem", "Melhor Edição Sonora" e "Melhor Mistura de Som".

Os "Melhores Efeitos Visuais" foram para o justo vencedor, Blade Runner 2049, que ainda levou para casa a estatueta de "Melhor Fotografia"; Phantom Thread foi considerado o filme com o "Melhor Guarda-Roupa", enquanto "Melhor Caracterização" para Darkest Hour. A "Melhor Canção Original" foi para "Remember Me", de Coco e, por muito que me tenha comovido na sala de cinema, não era tão boa quanto "This Is Me" (The Greatest Showman) ou a minha favorita, "Mistery of Love" (Call Me By Your Name). 

Num momento histórico, Jordan Peele torna-se no primeiro afro-americano a vencer a categoria de "Melhor Argumento Original" com Get Out. O Chile também se estreou ao ganhar o "Melhor Filme Estrangeiro" (A Fantastic Woman), e Icarus foi considerado o "Melhor Documentário". Feitas as contas, Lady Bird foi injustamente ignorada pela Academia ao arrecadar 0 estatuetas douradas.


Como não podia deixar de ser, as referências políticas sobre a emigração, assédio sexual, disparidade salarial entre géneros foram alguns dos tópicos mais abordados. Cada discurso ou boca melhor que o outro. Foi fantástico! Um noite dedicada ao México, às mulheres e até aos monstros.

Os vencedores foram extremamente previsíveis mas sinceramente não me incomodou. Não houve propriamente ninguém que não merecesse o prestígio que recebeu e o Jimmy Kimmel foi um apresentador competente. Dito isto, espero que para o ano a gala seja comandada pela hilariante Tiffany Haddish.

De uma maneira geral, adivinhei praticamente tudo, concordei com uns, discordei com outros, mas não posso negar que foi das melhores edições dos últimos anos. Como não podia deixar de ser, once again, o meu filme favorito perde para o "querido da crítica"  Boyhood perdeu para Birdman em 2014, Mad Max: Fury Road para Spotlight em 2015, La La Land para Moonlight no ano passado e agora Call Me By Your Name para The Shape of WaterENOUGH! 

Melhor Filme
Vencedor: The Shape of Water
PREVISÃO: THE SHAPE OF WATER ou THREE BILLBOARDS OUTSIDE EBBING, MISSOURI
PREFERIDO: CALL ME BY YOUR NAME

Melhor Actor
Vencedor: Gary Oldman - Darkest Hour
PREVISÃO: GARY OLDMAN
PREFERIDO: GARY OLDMAN ou TIMOTHÉE CHALAMET

Melhor Actor Secundário
Vencedor: Sam Rockwell - Three Billboards Outside Ebbing, Missouri
PREVISÃO: SAM ROCKWELL
PREFERIDO: SAM ROCKWELL

Melhor Fotografia
Vencedor: Blade Runner 2049
PREVISÃO: BLADE RUNNER 2049 ou DUNKIRK
PREFERIDO: BLADE RUNNER 2049

Melhor Filme Animação
Vencedor: Coco
PREVISÃO: COCO
PREFERIDO: COCO

Melhor Realizador
Vencedor: Guillermo Del Toro - Shape of Water
PREVISÃO: GUILLERMO DEL TORO
PREFERIDO: GUILLERMO DEL TORO

Melhor Actriz
Vencedora: Frances McDormand - Three Billboards Outside Ebbing, Missouri
PREVISÃO: FRANCES MCDORMAND
PREFERIDA: FRANCES MCDORMAND

Melhor Actriz Secundária
Vencedora: Allison Janney - I, Tonya
PREVISÃO: ALLISON JANNEY
PREFERIDA: ALLISON JANNEY

Melhores Efeitos Especiais
Vencedor: Blade Runner 2049
PREVISÃO: BLADE RUNNER 2049
PREFERIDO: BLADE RUNNER 2049

Melhor Canção
Vencedor: Remember Me - Coco
PREVISÃO: REMEMBER ME
PREFERIDA: MYSTERY OF LOVE - Call Me By Your Name

*A lista completa de vencedores e nomeados AQUI.


Viram a gala dos Óscares? Os vossos favoritos venceram?

3 comentários:

  1. Partilho da tua opinião, e estava a torcer tanto para Call me by your name e depois fiquei desiludida por só ter levado uma estatueta para casa :(
    Pessoalmente gostei mais da edição de ano passado, mas nota-se que os Oscars estão a mudar de ano para ano e a evoluir cada vez mais, na direcção certa.

    ResponderEliminar
  2. Adorei os prémios principais e concordei a 100% com eles, melhor atores principais, melhor filme e realizador achei muito bem atribuídos!! Se bem que confesso que gostava que o Daniel Kaluuya do filme Get Out tivesse ganho porque fiquei fã mas realmente o Gary Oldman fez um trabalho brutal!!

    Novo post: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.pt/2018/03/ootd-72-black-pink.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar
  3. ainda nao vi todos os filmes para puder formar melhor opiniao mas adorei o shape of water e fiquei contente de ter ganho!
    also gary oldman yes! finalmente <3

    https://rrriotdontdiet.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...