Pages

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

5 Dicas para vencer a procrastinação


#1. Analisa o teu ambiente

Um dos meus principais problemas no que toca à concentração é o ambiente em que estou inserido. Desde os tempos de estudante que o quarto é o meu maior inimigo no que toca ao aproveitamento. As distracções são tantas que muitas vezes acabam por se passar horas e não fiz absolutamente nada do que queria. Curiosamente, o melhor local para inverter esta situação é... a casa-de-banho. Parece ridículo, mas já escrevi grandes obras literárias sentado naquele trono de porcelana. Sem nada que me distraia, foi a minha salvação em tempos de testes ou até mesmo de ideias para publicações.

#2. Define metas realistas

Uma das principais razões de adiarmos o que queremos fazer deve-se ao facto de, geralmente, serem metas grandes e vagas. Se forem adeptos de listas, força. Pode revelar-se uma grande ajuda ter uma noção das tarefas a cumprir e respectivo tempo para cada uma delas. Não se armem em super-heróis e queiram, por exemplo, escrever as publicações todas da semana numa assentada. Quase de certeza que o resultado vai ser o inverso e isso só vos vai deixar ainda mais frustrados. 

#3. Pensa no futuro

A preguiça é lixada e se não souberem lidar com ela, podem perder-se para sempre. Dramático? Sim, mas tem o seu quê de verdade. Pessoalmente, enfrento sempre uma luta interna quando me distancio um pouco do blog. Tenho objectivos que gostaria de alcançar mas se depois estiver menos activo, é normal que não se concretizem. Fico de tal forma irritado e stressado com isso que acaba por servir de bebida energética para me mexer. Isto é tudo muito bonito quando as nossas únicas preocupações são a escola e temos horários acessíveis, mas quando entramos no mundo adulto e a sua prisão temporal, é extremamente complicado.

#4. Não penses, age

A velha máxima do "hum, faço amanhã". Quem nunca teve este pensamento uma única vez na vida que atire a primeira pedra. Aliás, se tivesse que definir o meu estado de espírito estudantil, seria exactamente assim. Sempre fui uma daquelas pessoas que deixava tudo para a última da hora. Portfolios, trabalhos de pesquisa, estudar para testes, tudo! No entanto, tinha bons resultados. Hoje em dia, ainda tenho o mesmo duelo com a balança moral. Esse é um dos motivos pelos quais estou a escrever isto de madrugada, em vez de "fazer amanhã numa pausa do trabalho". Right. Quando sentirem uma energia vinda do além, não percam tempo e arregacem as mangas! Por norma são surtos de curta duração que precisam ser aproveitados ao máximo.


#5. Pratica técnicas de "mindfulness" e/ou relaxamento

Para quem não está familiarizado com o termo, mindfulness é um treino mental que ensina as pessoas a lidarem com os seus pensamentos e emoções. Ajuda a distinguir o pensamento útil do inútil que, em certas circunstâncias, chega a ser prejudicial. Se tivermos a consciência total de que precisamos fazer determinada tarefa, quando partirmos para a acção e a terminarmos, vamos sentir-nos extremamente satisfeitos. Extremamente lógico mas nem por isso menos importante. Pode parecer um pouco contraditório mas o relaxamento é essencial para vencerem a procrastinação. Não digo que tenham que ter os chakras alinhados, mas se não conseguirem concentrar-se, tentem meditar ou no meu caso, ver vídeos de ASMR, e garanto-vos que ficam com outro estado de espírito. Não podem é exagerar ou acabam a dormir em vez de trabalhar.


Sofrem de procrastinação? Que métodos utilizam para combatê-la?

4 comentários:

  1. Concordo imenso com as tuas dicas e também as sigo! O meu lugar preferido para trabalhar e ser produtiva é a biblioteca da minha casa ou um café acolhedor, com janelas grandes, luminoso, boas bebidas, música suave e staff simpático. Tenho uns quantos de eleição :D

    ResponderEliminar
  2. Sofro imenso! Nestas duas últimas semanas tenho estado de férias, ainda não entrei no ritmo. E o problema é que tenho muito que fazer e não faço nada porque vou adiando. Enfim, mas já me mentalizei que a partir da próxima semana é a doer. Para já vou aproveitar mais um dia de férias (amanhã) :)

    ResponderEliminar
  3. O quarto ponto é muito a minha cara. A maior parte das coisas que faço devem-se ao facto dessas energias do além, porque não há outra maneira de as denominar, se não assim. Então quando o assunto é exercitar, ou me concedem um pacote ilimitado por dias, ou então algo deixa de funcionar cá dentro, ahahah.

    Por norma, e mais por causa do estado ansioso com o qual evito apertar mãos, tendo a fazer tudo na hora, isto se forem coisas que não posso adiar, porque se tal oportunidade surgir, ou trato do assunto para ter mais tempo, ou dou uma de preguiçosa e não faço nada. Porventura, estou a tentar combater isso, de modo a arrecadar mais tempo livre para as minhas atividades. Conhecendo-me como conheço, é bom que funcione, ahahah.

    LYNE

    ResponderEliminar
  4. Eu sou a procrastinação em pessoa! Mesmo! Eu bem tento agir logo para não cair no ócio mas a procrastinação vence-me quase sempre... xD, pergunto-me quantas coisas brilhantes já não teria feito se não o fosse! Mas ótimas dicas, vou ver se uso o teu post como pretexto para ser mais produtiva, ahah

    http://diariodeumafricana.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...