Pages

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

5 Defeitos a Mudar


#1. Queixo-me demasiado

Acreditem que neste momento estão umas quantas pessoas, em especial a minha namorada, a aplaudir a minha honestidade sobre este assunto. É verdade, queixo-me e não é pouco. De dia, de tarde, à noite, por causa dos transportes, por causa disto e daquilo. TUDO é motivo para um comentário resmungão deste Velho do Restelo que vos escreve. Confesso que me custa um pouco a admitir, mas um breve exercício de introspecção é o suficiente para dar razão às massas. Juro que não o faço com malícia mas é mais forte que eu. Se não estou satisfeito com alguma coisa, tenho que me expressar se não fico como o Roger do American Dad quando tentou deixar de ser mau  spoiler: morreu. Felizmente os seres humanos com que lido diariamente já se habituaram e até acham piada. 

#2. Suspiro mais que um cu apaixonado

Na época da Universidade, numa viagem de comboio para casa, um colega meu teve uma epifania resolveu dizer-me que eu suspirava muito. O discurso seguiu uma linha do género, "Estás sempre a suspirar. Sempre. Nunca reparaste?". Não. Nunca tinha reparado até dizeres. Obrigado. Bye. O que se seguiu foi um misto de emoções entre o choque e o ultraje. Certo é que fiquei verdadeiramente self-conscious e apercebi-me que ele tinha razão. Anos passaram, os carros já voam, e uma colega de trabalho da secretária à minha frente sai-se com um "estás sempre a suspirar". Caiu-me tudo. Relembrei-me desta minha... característica e agora não penso noutra coisa. Não sei explicar, mas se estou constantemente cansado, aborrecido, ou simplesmente done, podem ter a certeza que vão ouvir um ugh a sair da minha boca.

#3. Fervo em pouca água

Se por um lado consigo ser tão paciente como um monge budista, por outro expludo com alguma facilidade. Claro que tudo depende do assunto, ambiente e intervenientes, mas ultimamente este lado mais fiery tem estado em evidência. Costumo a dizer que tenho um limite e que se o passam estão lixados comigo. O certo é que quando ganho aversão a alguém, parece que qualquer coisa que venha dessa direcção é captado como se fosse veneno. Temo não estar a fazer qualquer sentido, mas na minha cabeça a sequência visual é bastante elucidativa. Digamos que o meio laboral é perito em fazer o génio mau sair da lâmpada.

#4. Mau perder

Por falar em coisas más, há uma coisa que precisam saber antes de jogarem comigo ao que quer que seja. Não gosto de perder nem a feijões. Sim, é péssimo blá blá blá, mas querem o quê, desafiar-me para um duelo? Força, atrevam-se a ganhar-me! Fora de brincadeiras, sou assim desde que me lembro, portanto não sei até que ponto este traço da minha personalidade não é semi-inato. Um mero jogo de cartas é capaz de arruinar a minha disposição, estragar o meu dia e exterminar amizades  vá, esta última é um exagero mas vocês percebem. É como se a minha mente entrasse em modo hunger games contínuo e preciso lutar pela minha sobrevivência com unha e dentes, nem que seja para gritar "uno" no final da batalha. A ansiedade pelo desfecho é tanta que, se já tiver o mínimo de à vontade com os participantes, não consigo conter alguns comentários do tipo "cabra" aquando de uma jogada de mestre. Tudo com amor... ou não.

#5. Não sei manter conversas virtuais

Este tópico vai ter direito a uma publicação específica, mas é de longe um dos meus maiores "defeitos", se assim o quiserem chamar. Ainda que não seja um socialão de primeira, não é preciso muito tempo até me "soltar" e interagir com os plebeus  termo que utilizo carinhosamente para descrever a maioria da população. Passemos para um cenário virtual e as coisas mudam de figura. A não ser com aqueles amigos de infância ou a namorada, parece que há um bloqueio no meu cérebro que me impede de iniciar ou manter uma conversa com outras pessoas, mesmo que as conheça. SMS's, Facebook e até Instagram são cenário de autênticos momentos de sofrimento interno por nunca saber o que dizer. Nesta última rede social então, se soubessem a quantidade de mensagens privadas que recebo e praticamente nunca desenvolvem além do "tudo bem?". Lamento mas fico envergonhado, com medo das intenções das pessoas e de ser mal interpretado ou fazer figura de parvo. Dito isto, deixa-me imensamente frustrado porque gostava, genuinamente, de fazer mais amizades mas I just can't.


Quais são os vossos principais defeitos que gostavam de mudar? Temos algum em comum?

7 comentários:

  1. Por favor não leves a mal, não estou a dizer isto em tom de crítica, mas incomoda-me pessoas que se queixam demasiado =P Nunca acho que tenhas transparecido isso aquilo no blogue nem estou a falar de ti em particular mas tenho dificuldade em manter uma conversa com uma pessoa que se queixa do início ao fim, sobre tudo e sobre nada, parece que me sugam a energia.

    ResponderEliminar
  2. ui 3 e 4 sou tãaaao eu! e ser super impaciente! o nº5 tem dias ahaha
    e nunca atendo o telemovel. nunca.

    https://rrriotdontdiet.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Identifico-me muito com o #3 e um bocadinho com o #5 também.:p

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Só me identifico mesmo com o primeiro (eu estou me constantemente a queixar e nem é de propósito, simplesmente sai!), no resto sou o contrário, principalmente no mau perder (vou muito na desportiva) e no último ponto, acho que tenho jeitinho para iniciar e dar continuidade a conversas pela net, mesmo! x)

    ResponderEliminar
  5. Sou tão igual a ti ahahah Também me queixo por tudo e por nada!

    Beijinhos
    That Girl

    ResponderEliminar
  6. Olá Ricardo, tudo bem?
    Amei a sinceridade do post.
    Me identifiquei bastante com o 1 e o 3. Tenho muitos outros defeitos também afinal ninguém é perfeito, mas a gente tenta melhorar.
    Abraços!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  7. O primeiro passo para mudarmos é justamente sabermos que estamos mal. Parabéns, gostei muito de ler! :)
    Beijinhos grandes e muitas felicidades!

    chamammepequenita.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...