Pages

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Já chega, não? | Mentiras Virtuais


Quer seja sobre uma negativa escolar ou para não ferir os sentimentos de alguém, todos nós já mentimos pelo menos uma vez na nossa vida. Condenada pela maioria, esta é provavelmente das características mais humanas a que ninguém está imune. Nem mesmo o Papa.

Independentemente do motivo que vos leva a contar falsas verdades, diária ou ocasionalmente, calculo que sejam coisas triviais, provavelmente para saciar as alcoviteiras que andam à nossa volta feito abutres. Pelo menos comigo, é esse o caso.

A trama intensifica-se quando resolvem expandir o seu território fraudulento para a internet. Sabendo que no mundo online nada é efémero e tudo é analisado ao mais ínfimo pormenor, pergunto-me como é que há pessoas que se expõe ao ridículo.

No ano passado, Belle Gibson, simulou um cancro cerebral terminal enquanto promovia o seu livro de culinária, "The Whole Pantry" e respectiva app. A blogger australiana que ficou conhecida graças à sua conta do Instagram, afirmou que 25% do lucro dos produtos seria doado para instituições de caridade locais, enquanto ela curava a sua doença TERMINAL em casa, com comida saudável, em vez dos tratamentos normais. Não sei o que é pior, se uma jovem de 23 anos ser capaz de cometer tamanha atrocidade, ou o facto de este não ser um caso isolado.

Não tão grave mas nem por isso menos irritante, já fui alvo de algo do género. No início do ano partilhei as minhas listas com o "Best of 2015" na área do entretenimento. Para algumas categorias como, "Top 10 Underrated Singles", criei mini-vídeos onde eram revelados os escolhidos. Sem qualquer referência escrita na publicação, não tinham outro remédio se não assistir à compilação para descobrir. 

Dos primeiros sete comentários recebidos a elogiarem a edição do vídeo, apenas três o viram. Intrigado por não mencionarem um único artista ou música, bastou entrar na página, actualizada, do Dailymotion para constatar que, em vez das supostas sete views, só tinha três, o que significa que quatro pessoas mentiram - os comments em questão não foram aceites portanto não é nenhum dos publicados.

Senti um misto de emoções. Fiquei a escaldar mas não pude deixar de me rir da situação. Há pessoas que são tão boas a mentir como a ex-taróloga da SIC a ler as cartas. Se alguém escrever uma publicação com base num vídeo e não me apetece vê-lo, não comento. Simples. Vou-me sujeitar ao ridículo só para dizer que deixei lá o meu valioso testemunho? Juro  que não percebo. Sei que é muito comum nos blogs de beleza/lifestyle o típico, "adorei a publicação", quando não leram a ponta dum corno e só se limitaram a olhar para a porcaria das fotografias.

Mentir é uma arte que poucos conseguem dominar. Se querem ser pinóquios cibernéticos ao menos tenham em atenção que nem toda a gente tem o vosso nível intelectual.


Conhecem casos de "mentiras virtuais"? Já vos aconteceu?

16 comentários:

  1. Oh pá esse teu humor ácido :D mas concordo plenamente contigo. Já me aconteceu escrever uma review em que dizia que um batom era uma m*rda e vir alguém comentar "que lindo! vou já comprar!" - fora os típicos "bom post" x) oh well! Há que espalhar links por aí mesmo sem fazer o esforço de ler, né...

    Jiji

    ResponderEliminar
  2. Sofro do mesmo desespero de causa.
    Quantas vezes se recebe um comentário desses... O mais flagrante foi um post que fiz há 1 ano e pouco em que lá pelo meio falava de uma velhota que tinha ajudado no meio da rua, que caiu mesmo à minha frente e tive de chamar o INEM. Nenhum dos comentários (ou talvez apenas 1, já não me recordo) fazia alusão à senhora. Eu sei que às vezes é chato ler posts muito grandes, mas evitavam-se situações desnecessárias :P
    De resto, inventar uma doença só para ter seguidores, acho que não há comentário possível :X
    Claro que toda a gente mente de vez em quando, acaba por ser natural. Mas há coisas que ultrapassam todos os limites...

    um beijinho*
    Dreams and Lemonade

    ResponderEliminar
  3. Também adoro quando me deixam comentários que não fazem sentido nenhum porque se limitaram a ler uma única frase e que, muitas vezes, nem é a frase certa =p mas não me chateia, é o tipo de coisa que me faz rir

    ResponderEliminar
  4. oi, oi.

    o que mais acontece na internet é esse lance da mentira mesmo, seja com números de acessos nos blogs ou seguidores na internet. o desespero de muita gente chega a incomodar...

    não vou mentir ao dizer que nunca mentir, pq né... é impossível! minhas mentiras, geralmente, são com coisas pequenas, como não magoar uma amiga ao dizer que tal roupa está feia. mas, no mais, tento sempre ser o mais sincero possível, até pq não ganhamos nada mentindo.

    abç!
    Não me venha com desculpas

    ResponderEliminar
  5. Realmente há mentiras perdoáveis e outras não, mas na Internet as pessoas passam todos os limites, muito para lá do aceitável.
    Quando soube do caso dessa australiana fiquei chocada! Quando li essa notícia na altura, fiquei a pensar como é que uma pessoa que diz tamanha mentira consegue dormir sossegada à noite, sem ter peso na consciência.
    Já me aconteceram essas mentiras na blogosfera, pessoas dizerem que adoraram um post sem o ler. Lembro-me de uma vez uma leitora comentar a dizer que adorou o post, e depois comentar algo baseado apenas no título, que ela deduziu, e correu-lhe mal, porque o que ela comentou não tinha nada a ver com o tema do post. Pode ter interpretado mal o post, mas cá para mim essa leitora nem o leu.
    Enfim, mentiras na Internet é algo que me revolta imenso.
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  6. Já me aconteceu mentirem à descarada nos comentários. Um adorei o post, seguido de uma carrada de links e vês logo que a pessoa nem leu nada. Ou então, numa publicação cheia de sugestões, alguém comentar - adorei a sugestão e eu a conter-me para não dizer, qual delas ?! Uma tristeza, a blogoesfera deveria ser muito mais do que isto...

    *Ricardo, és tu que fazes estas ilustrações ? São tão giras! Tens muito jeito :)

    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente não! Digamos que o desenho não é a minha praia. Limito-me a editar imagens, livres, já existentes :)

      Eliminar
  7. Uma outra coisa que acontecia imenso há uns anos - especialmente quando ainda havia muito o culto da blogosfera anônima - eram bloggers com vidas completamente inventadas. Novelas mesmo, em que se consideravam protagonistas das mais rebuscadas tramas e cada publicação era um capítulo novo da sua vida cheio de coisas mirabolantes, traições, amores proibidos... E as pessoas acreditavam totalmente! Sinceramente acho que foi isto que me motivou a sair do anonimato, na altura e a perder alguma credibilidade nos autores anônimos. Não queria de todo sentir-me como eles e ainda hoje tenho dificuldade em ler updates de vida de um blogger anónimo. É uma dívida que cobro de quem não merece, verdade, mas era uma pratica tão comum que simplesmente ficou enraizado em mim a desconfiança, embora saiba perfeitamente que não é por terem o nome próprio e a cara na página principal que estão livres de mentir. Mas irritava-me profundamente. Ainda me irrita quando encontro!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente, houve uma altura em que se via muito isso! Ultimamente não tenho encontrado páginas dessas, thank god haha.

      Eliminar
  8. Infelizmente nunca vai ser possível parar as mentiras que se contam por aqui, por mais pequenas que sejam. É triste, mas é uma realidade. E haverá sempre alguém a comentar o teu blogue sem sequer ter lido nada só porque sim...! Como sabes, percebo a tua indignação xD

    ResponderEliminar
  9. Uuuuuui... tu não tens noção LOL recentemente eu e o meu grupo de amigos descubrimos que uma colega nossa coloca fotos fake de viagens que "supostamente" faz. Isso seria engraçado se não tivéssemos descoberto que o rapazinho com quem anda também é um perfil fake :x drama drama drama LOL
    Beijinhos,
    O meu reino da noite ~ facebook ~ bloglovin'

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Curiosamente, no Secundário tive uma colega que criou um perfil no hi5 (sim, ainda se usava), de um rapaz para se fazer a ela. As conversas de engate eram detalhadas e cheias de mel. Pormenor hilariante: a fotografia usada era do actor James Marsden! hahaha

      Eliminar
  10. Sim, isso por aqui acontece o tempo todo. Felizmente ainda nem toda a gente decidiu anunciar um cancro imaginário no instagram, mas como disse ali a Inês chegou a haver tanto blog com vidas inventadas que nem nas novelas mexicanas xD e os comentários a posts que nem leram também são comuns, o meu blog ainda não tem um mês e já recebeu uns quantos.

    ResponderEliminar
  11. Acho que como tu dizes, toda a gente mente, por todo um lado :) desde algo mais inofensivo até a algo mais sério...

    ResponderEliminar
  12. Não podia concordar mais com o teu segundo parágrafo. São daquelas mentirinhas inocentes, ou pelo menos falo por mim, que só servem mesmo para calar estas pessoas, porque há alturas em que não dá mesmo para os interrogatórios (sobretudo para fins de gossip) que nos fazem.

    Não sei se já tinhas falado da história da Belle Gibson aqui ou se li isso ou algo parecido pela blogosfera, mas a verdade é que é de deixar qualquer um chocado com a situação. Não sei como é que as pessoas têm a lata (e onde é que a vão arranjar) para mentirem sobre situações sérias e graves como estas. Há limites para a estupidez humana, e acho que esta rapariga passou as margens todas.

    E em relação aos comentários, isso é aquilo que infelizmente mais se vê. Eu tenho por hábito ir visitando e comentando os blogs de bloggers que deixam comentários no meu, mas cada vez vou perdendo mais esta hábito. É que há pessoal que não vale mesmo o esforço porque nota-se que nem leram uma linha dos nossos textos, e só querem mesmo fazer publicidade barata aos seus "cantinhos". Eu adoro alguns comentários que vou recebendo nos posts que faço com sugestões de filmes. Eu geralmente publico-os nas datas das suas estreias nos States e, em pelo menos metade dos casos, as estreias em Portugal só acontecem mais tarde, ou nalguns casos nem acontecessem de todo. Já recebi um bom número de comentários a dizerem que ainda não tiveram oportunidade de ver o filme em questão no cinema. Só dá mesmo vontade de dizer "... pois é normal ainda não estreou". Honestamente, se é para dizerem disparates, mais vale é não dizerem nada.

    ResponderEliminar
  13. A mentira é, como dizes, algo que está entranhado no ser humano. Não há como fugir dela, mas há mentiras e mentiras. Seja por omissão ou mesmo por invenção, não deixam de ser falsas verdades, como lhes chamaste. No caso da mentira da Belle é algo realmente estapafúrdio e até desrespeitoso para com pessoas que REALMENTE sofrem de doenças terminais. Inventar algo do género só por uma questão de marketing é provavelmente um acto que pode ser considerado nojento até!

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...