Pages

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Estou viciado no Instagram

Imagem original: x

Levei algum tempo a aceitar esta situação, mas não há como negar, estou viciado no Instagram

Tudo começou em finais de 2013, quando houve um surto daquela que é hoje considerada uma das redes sociais mais populares do mundo. Embora soubesse da sua existência, foi através da minha namorada que comecei, pé ante pé, a entrar neste universo. Na altura nem sequer tinha um smarthphone mas a curiosidade era tanta que procurei de tudo na internet para contornar o sistema. Sem sucesso, e como não sou o tipo de pessoa que gasta balúrdios a renovar telemóveis cada vez que sai um modelo superior, restou-me aguardar pelo dia em que precisasse arranjar um novo. 

Meses depois, por intervenção dos deuses electrónicos ou pura mediocridade dos fabricantes, o meu telemóvel morreu, literalmente. Finalmente com um aparelho compatível em mãos, assim que instalei a maldita app, tudo mudou.

No início parecia uma criança e o instagram era o meu recreio. Dava-me a permissão de publicar mais do que uma fotografia por dia e usava os filtros oferecidos como se recebesse à comissão. Trágico. Com o passar do tempo, comecei a perceber como é que se jogava com os meninos grandes e dei uma volta de 180º à minha abordagem. O resultado foi imediato, as estatísticas aumentaram consideravelmente, mas em contrapartida, passei a olhar para a minha página como o Gollum para o anel.

É assustador perceber o quão dependente me tornei de uma aplicação. A primeira e a última coisa que faço quando acordo/deito, não é ver se tenho mensagens, mas sim quantos números aparecem nas notificações, como se a minha vida dependesse disso. Chegou ao cúmulo de estabelecer um período de meia-hora todas as noites, durante o qual publico religiosamente uma imagem (às vezes sou rebelde e fico um dia sem postar nada). Quem me chamou à atenção foi a minha namorada, e por muito que me custe admitir, ela tem razão.

Tenho consciência que existem pessoas verdadeiramente viciadas que fazem 50 uploads diários e dão toques duplos em 5000 pics, mas não implica que, só por ser numa escala menor, eu esteja isento. Hoje em dia sinto que estou tão preocupado em tirar fotografias que me esqueço de apreciar o momento.


10 Sinais de que estás viciado no Instagram:

1. Se tiver potencial é fotografado, até uma pastilha elástica no chão
2. Ninguém toca na comida antes de a fotografares primeiro
3. Tiras 80 selfies na esperança que pelo menos uma fique decente
4. Fotografia com poucos likes? Delete
5. Julgas os filtros que os outros utilizam
6. Pessoas que utilizam 40 hashtags do género #cuteboy? Ew
7. Ficas ofendido quando não te seguem de volta
8. Ficas ofendido quando alguém que não seguiste de volta, deixa de te seguir
9. Quando a tua fotografia alcança os 100 likes sentes-te um social media mogul
10. Vives para os números na caixinha laranja


Partilhamos este vício? Já se sentiram assim com outras redes sociais?

20 comentários:

  1. Uau, ok, isso é de facto um vicio. Eu cheguei a preocupar-me com tudo isso, mas em pouco tempo (não tenho paciência para dependências)deixei de querer saber e as minhas fotos tem um número razoável de pessoas a gostarem e a seguirem-me. Nada de especial mas ...
    No entanto, devias prevenir-te um pouco nesse sentido. Tenta ignorar o insta um dia por mês e vê como te safas ;))

    Adorei o texto!!

    ResponderEliminar
  2. oi, oi.

    juro que dei umas gaitadas aqui lendo o post. hahaha. sei bem como é estar viciado no instagram. como celular pifou e eu não tenho grana pra comprar um novo, parei o meu vício, mas antes eu era semelhante a ti: passava o dia inteiro vendo as atualizações dos meus amigos e publicando fotos aleatórias.

    tem uma coisa que vc disse que faz todo o sentido: com a chegada do app, a gnt tira foto por tirar e acaba não aproveitando todos os momentos, como aquele em que estamos na mesa com os amigos, mas precisamos acompanhar as curtidas que tão chegando nas fotos do prato de comida.

    ao mesmo tempo em que o app é bom, ele tbm aliena a gnt de certa forma.

    abç!
    Não me venha com desculpas

    ResponderEliminar
  3. Eu adoro o instagram mas não me posso considerar viciada. Gosto, principalmente, de ver boas fotografias! E nisso o instagram é óptimo ;)

    ResponderEliminar
  4. Não, felizmente não estou viciada :D Mas parti-me a rir com os teus 10 sinais, principalmente este: "Fotografia com poucos likes? Delete". Não gosto muito de selfies, por isso não tiro quase nenhuma!

    ResponderEliminar
  5. Que medo, rapaz xD felizmente não sofro desse mal - embora goste de ver as notificações a cair. Tu faz uma detox! :p

    Jiji

    ResponderEliminar
  6. Partilho do mesmo vicio. Nunca pensei que o instagram se apoderasse de mim mas a verdade é que aconteceu. Apesar de ser um insta em que não me dou a conhecer muito, pois está associado ao blog, passo lá muito do meu tempo e é das minhas apps favoritas

    ResponderEliminar
  7. Tenho Instagram há já uns anitos.

    ResponderEliminar
  8. Gostei do post, mas em especial dos 10 sinais que utilizas-te para dizer quando estamos viciados. E se for por aquilo, então eu estou completamente viciada eheh!!
    Beijinhos, Ana*
    http://shadesgirl.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Bem sou sem duvida alguma um viciado como tu!! Nao vivo sem o instragram e reparo em tudo o que mencionas!!

    Abraço (:
    NEW POST! Simple Set

    ResponderEliminar
  10. Viciadão! Por acaso tenho alguns desses sinais, mas não me considero propriamente viciado. Não publico todos os dias nem estou constantemente a analisar números. Mesmo assim, há uns tempos, tentava publicar o máximo que conseguisse. E se na altura me senti feliz, no outro dia fui rever as fotografias e pensei: Mas que porra é esta? Eliminei imensas fotografias. Tinha mais de 250 na primeira limpeza e agora, algumas limpezas depois, tenho menos de 60. Sad, sad!

    Mas gosto do teu Instagram, btw!

    ResponderEliminar
  11. Aahahah, por acaso não tenho praticamente nenhum desses "vicios" mas gosto imenso da aplicação!!! Quando não tinha um smartphone e, tal como tu, queria dar a volta ao sistema, lá consegui!! Atravém de uma "aplicação" no computador dava para fazer o upload de fotografias para o instagram..
    Grande beijinho,
    Madalena

    www.maadalenaaa.blogspot.com

    ResponderEliminar
  12. Sou completamente viciada. Não tenho net no telemóvel porque ainda tenho um daqueles tarifários antigos de estudante (que acho que até já terminaram supostamente por isso shhh, é melhor falar baixinho antes que a Vodafone ouça)e sempre que ando fora de casa e apanho um bocadinho de wi-fi, pimbas, lá estou eu no Insta. Depois ouço coisas da boca do meu namorado como "mas para que é que queres net?só para estar aí a olhar para fotos?", "pessoas que vêem fotos de comida...", mas pronto, eu aguento e já me cansei de explicar que não tem nada a ver com o facebook nem com as fotos parvas que as pessoas lá publicam.

    p.s.: estou sempre atenta ao teu instagram também.ahahah

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Adoro a rede social mas não sou de maneira alguma, vicidada! :)

    ResponderEliminar
  14. Gosto imenso do Instagram, mas não me considero uma viciada. Normalmente, uso-o mais para me rir quando não consigo dormir do que para tirar fotografias artísticas (eu bem tento tirá-las, mas é complicado...). Ah, claro, e para ver as belas imagens que as pessoas que eu sigo postam!

    ResponderEliminar
  15. Não, não partilhamos este vício =P não ligo puto a redes sociais, talvez um pouco mais ao facebook, mas fico-me por aí...

    ResponderEliminar
  16. Eu sei que o intagram serve para partilhar fotos. E é só =P Não utilizo e acho que ainda não existe uma razão plausível para o fazer. Aliás, acho que não sou viciada em nenhuma rede social. Deixo o vício para os livros e o sono =P
    ***

    ResponderEliminar
  17. Confesso que também eu ando um "bocadinho" viciado no instagram. Sobretudo na similaridade e coerência entre todas as fotos que coloco. E confesso que às vezes passo a "timeline" tão rápido que nem vejo os likes que meto. Ups! (Anyway se sigo é porque gosto né?)
    Abraço.

    ResponderEliminar
  18. Nós não chegamos a esses níveis. A verdade é que a maioria das vezes nem nos lembramos, até porque cada vez temos menos tempo... Mas se tivessemos, acredita que éramos desse nível de vício ou mais! ahah

    ResponderEliminar
  19. É provavelmente a minha app favorita, mas mesmo assim não sou muito viciada (só me identifico com 2 dos 10 sinais)

    ResponderEliminar
  20. Honestamente, acho que já fui mais viciada do que sou :p Mas é verdade, tiro muito mais fotos do que tirava- Mas por um lado foi bom. Eu sempre adorei fotografia, desde miúda. Mas como não tinha câmara nunca tirava. Agora com o telemóvel posso dar-me a esse 'luxo'. Gosto de ter fotos para recordar. Não considero mau tirar fotos a pequenos momentos, passeios, visitas, concertos... Mas vá, selfies e comida não é meu hábito de todo :p
    beijinhos, Ana

    The Insomniac Owl Blog

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...