Pages

quinta-feira, 1 de outubro de 2015

JoJo: The Return


Aos 13 anos de idade, Joanna Levesque — mais conhecida por JoJotornou-se na artista mais jovem de sempre a ter um nº1 nos Estados Unidos. O sucesso da intemporal "Leave (Get Out)" foi seguido pela brilhante "Too Little Too Late" que em 2006, quebrou um recorde anteriormente detido pela Mariah Carey ao saltar da 66ª para a 3ª posição no top da Billboard Hot 100.

Depois de ser mantida refém pela antiga editora e impedida de lançar música oficialmente, a jovem conseguiu finalmente vencer a batalha judicial que se arrastava há 7 anos, e assinar contracto com uma nova produtora discográfica. Agora com 24, a cantora norte-americana está de volta com música nova após o que parece ter sido uma eternidade. Embora muito tenha mudado desde o álbum de estreia em 2004, uma coisa mantém-se intacta, a potência vocal.


Após o lançamento do seu "tringle" (três singles de uma só vez) no mês passado, a Jojo revelou esta semana o vídeo para uma das faixas do EP. A escolhida foi "When Love Hurts", a canção mais pop-dance das três. Sem um conceito muito elaborado, o clip basicamente mostra a cantora com o novo visual acompanhada dos seus bailarinos num barracão e com muita dança Vogue à mistura.

Já o disse e repito, pertenço à geração MTV. Lembro-me perfeitamente de estar colado ao ecrã e repetir furiosamente as lyrics "You said that you would treat me right but you were just a waste of time" da "Leave (Get Out)", como se fosse um grande entendido no assunto. Digam o que disserem, esta música marcou uma geração e a verdade é que ainda sou capaz de a ouvir com a mesma intensidade de quando tinha os meus 12 anos.

O aguardado novo disco está previsto para o final do ano e terá colaborações de MNEK, Pharrell Williams, Sam Smith e Tori Kelly. Até lá fico à espera dos vídeos para as baladas "Say Love" e "Save My Soul".

Welcome back J.

Lembram-se da JoJo? Gostaram da música nova?

8 comentários:

  1. Claro que me lembro da Jojo!! Não era, e continua a não ser, algo que se enquadre nos meus gostos musicais, mas há como esquecer =P Ainda há uns dias me lembrei "e então a miúda do 'Too little, too late', nunca mais ouvi falar dela!". Mas pronto, agora já sei! As editoras são horríveis, especialmente nos EUA. Os artistas são, como disseste, autênticos reféns delas.
    ***

    ResponderEliminar
  2. Já tinha lido sobre o seu regresso, mas só agora ouvi a música que aqui publicaste e, devo confessar, não desgostei. De vez em quando lembrava-me desta rapariga e só pensava "por onde anda este talento?" e parece que já entendi a história. Não fazia ideia. Mas bom, que este regresso seja mais um sucesso na sua carreira e que o seja o início de uma fase fantástica para ela depois de tudo. Ela está linda :)

    ResponderEliminar
  3. tbm sou como tu, na minha adolescência o meu canal de tv foi sempre a MTV. E lembro-me tão bem dela e dessa música. Nunca pensei que ela tivesse parada por esse ocorrido. Mas é sempre bem vinda :)
    http://diaryofalittlebee.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Acho ela super talentosa e é uma pena que ela faça parte daquele time de cantores que tem talento mas não tem muito reconhecimento no mundo da música e tipo, Too Little Too Late é muito antiga meu Deus :O

    ANDYZANDO

    ResponderEliminar
  5. Ainda no outro dia vi o filme G.B.F., onde ela aparece, e perguntei-me por onde andava.
    Só conhecia as músicas mais famosas dela (Leave e Too Little Too Late) e nunca pensei que ela fosse tão nova quando as lançou. Ainda bem que conseguiu vencer a batalha judicial e voltou.

    ResponderEliminar
  6. Há mil e quinhentos anos que esperava o regresso da JoJo e as minhas preces foram finalmente ouvidas! Adoro o novo visual dela e as músicas ficam TÃO no ouvido. Estou a torcer por ela! x

    ResponderEliminar
  7. Esta é a JoJo??? estou a ficar mesmo perdida no tempo!

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...