Pages

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Growing up sucks!


Quem nunca ouviu de um adulto para "aproveitar a vida enquanto somos crianças porque não temos preocupações", (esta era a parte em que diria para mandarem uma pedra, mas é Dia da Criança portanto não parece bem) que atire o primeiro pega-monstro.

Detesto admitir mas, todas as pessoas que me disseram que ser criança era a melhor fase da nossa vida, estavam certas. Tenho saudades de acordar aos fins-de-semana de manhã para ver Dragon Ball, Sailor Moon e Power Rangers, e de cantar a icónica "Sabes que começou no A, A-A-A, e a seguir vem o E, E-E-E, inteligente é com o I, I-I-I, o U depois do O, faz o A-E-I-O-U!", do Buéréré. Belos tempos em que os meus problemas se resumiam a não ter tazos repetidos e fazer colecção de canetas com cheiro.

Pensar que tudo o que eu queria quando era mais novo era crescer. Que idiota. Ser adulto é uma m#$%@. Deixamos de depender dos papás para tudo. Temos que trabalhar, pagar impostos, tempos de lazer nem vê-los, e até as nossas consultas do médico temos que ser nós a marcar. Ainda vivo em casa dos meus pais portanto, estou a aproveitar os últimos tempos que me restam antes de abandonar o ninho.

Sinceramente nunca dei muita importância ao Dia da Criança... Até conhecer a minha namorada. Oh meu Deus, isto soou tão mal! Calma, ela tem a minha idade. Continuando, somos o completo oposto um do outro no que toca a esta ocasião. Enquanto que para ela era motivo de festa, com direito a presentes e tudo, eu nunca festejei ou recebi prendas. Para mim é, e sempre foi, um dia como outro qualquer. 

Desde que estamos juntos já perdi a conta da quantidade de vezes que vi filmes da Disney e das vergonhas que ela me faz passar em público. Para terem noção, parece que estou a passear com a minha irmã (não tenho uma). Se estiver entusiasmada com algo ou se vir um unicórnio numa montra, vai começar a saltar e a falar num tom de voz querido mas assustador, tendo em conta os seus 23 anos. Resumindo, agora em adulto é que dou valor ao dia 1 de Junho.

Celebravam o Dia da Criança? Quais são as vossas memórias favoritas de quando eram mais novos?

7 comentários:

  1. As minhas melhores memórias são os dias de praia que parecia que não tinham fim. E tão bronzeada que eu era na altura =P e feliz... é verdade, ser adulto é muito mais complicado do que ser criança. Mas, se queres a minha opinião, Portugal não é o melhor sítio do mundo para se ser adulto ;P

    ResponderEliminar
  2. Difamações! Difamações e injurias! Apenas acho que devo aproveitar enquanto posso para ser o mais criança possível. (In)felizmente ainda não tenho totalmente as responsabilidades de um verdadeiro adulto por isso mais vale aproveitar. Eu posso ser criança, mas tu és o jovem com o espírito mais velho que conheço. xx

    ResponderEliminar
  3. A minha maior frustração era acordar cedo para ver Sailor Moon e ainda estarem a dar as televendas!Nããããooo :)

    Isa,
    http://isamirtilo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Até hoje a minha mãe compra doces para mim e para a minha irmã. Seremos sempre crianças para ela. Ainda bem, porque gomas são vida :3

    Confesso que também nunca fui muito de ver filmes da Disney, nem interesse tenho.

    Já que falaste em desenhos animados... És team Digimon ou Pokémon?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Comecei a ver Pokémon primeiro e adorava. Com o tempo foi perdendo a piada e acabei por deixar de acompanhar. Um dia lá vi o primeiro episódio de Digimon e fiquei viciado. Acabei por ver as temporadas todas.

      Resumindo, gosto imenso dos dois e não consigo escolher haha.

      Eliminar
    2. Todas as temporadas de Digimon? :O Eu vi as duas primeiras completas e alguns episódios de outras temporadas. Sou team Digimon <3 Patamon <3

      Eliminar
    3. Hum, já percebi o choque. Estive a pesquisar e ao que parece só vi duas ou três temporadas e pensei que tinha acabado ali haha.

      Eliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...