Pages

sábado, 27 de junho de 2015

Agora sim. USA, the land of the free


A semana pode ter sido marcada por ataques terroristas, consumo canino e tortura de gatos indefesos, mas é bom ver que nem tudo está perdido. O Supremo Tribunal dos Estados Unidos decidiu, na passada sexta-feira (dia 26), que casamento gay é legal em todos os estados norte-americanos. Finalmente a terra do tio Sam está a fazer jus ao slogan "land of the free" (pelo menos no que diz respeito a esta questão).

Numa deliberação histórica, os juízes consideraram que a Constituição garante o direito igualitário de matrimónio a todos os cidadãos e, como tal, a sua proibição a casais do mesmo sexo vai contra a lei. A moção saiu vencedora através de cinco votos favoráveis contra quatro e, consequentemente, os 14 estados que não permitem o casamento gay terão de levantar essa proibição.

A decisão do Supremo Tribunal é "um grande passo para a igualdade" e uma "vitória para a América", afirmou o Presidente Barack Obama, a partir da Casa Branca. A decisão reflecte o ideal norte-americano de que "todos os cidadãos estão igualmente protegidos pela lei, independentemente de quem amam", continuou. Não podia estar mais de acordo. A vitória não é dos homossexuais. Não é dos gays, lésbicas, bissexuais e transexuais. A vitória é do ser humano e dos que acreditam no amor na sua forma mais pura, sem género.

Claro que nem todos estão satisfeitos com esta medida. "Nenhum tribunal pode reverter a lei da natureza", criticou a organização conservadora cristã Family Reserach Council (Conselho de Pesquisa sobre a Família), considerando esta decisão "um abuso do poder", que vai causar "graves danos ao património cultural" dos Estados Unidos.

É por isto que a religião me assusta. Fico feliz por ter sido criado numa família católica não-praticante, em vez de fanáticos cegados pela sua fé. Segundo sei, a mensagem principal de Deus é espalhar amor, logo, não compreendo algumas das barbaridades que os chamados crentes dizem. Podem ver alguns exemplos de reacções negativas à notícia que encontrei online:


Nem sei o que é pior, a escrita vergonhosa do Adilson, o Frederico referir-se aos homossexuais como tendo um "distúrbio de personalidade", ou a Rita a usar a "fome no mundo" para desvalorizar outro tema de carácter humanitário . É caso para dizer, "Valha-me Deus".

Em pleno século XXI ainda temos que lutar pelos direitos humanos. É especialmente chocante se pensarmos que, dos cerca de 196 países existentes no mundo, os Estados Unidos foram o 22º a legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo em todo o seu território. Tendo em conta que Portugal é um país extremamente retrógrada e conservador, ainda me surpreende termos sido o 8º a legalizar a união homossexual.


Ainda há muita mudança pela frente, mas não deixa de ser uma vitória a favor de uma sociedade inteligente e igualitária. Já chega de tanto preconceito e desrespeito, não só com a comunidade LGBT, mas com todas as pessoas em geral. Que acabem os estereótipos, sejam eles contra orientações sexuais,  raciais ou sexistas.

20 comentários:

  1. Isto de ainda haver gente que se acha no direito de mandar na liberdade dos outros é algo que me tira do sério. Porque esta legalização não é nada mais do que uma igualização dos direitos. Agora, toda a gente se pode casar. E isto não ofende ninguém. Não vai impedir quem quer que seja de ser feliz, a menos que existam pessoas que se alimentem com a infelicidade dos outros. Não percebo a paranóia. Quem é que estes ignobeis e filosofos de facebook acham que são para mandar na vida dos outros? Ainda temos muito para andar, o importante é que continuemos a ter pessoas iluminas que nos levem a dar os passos na direção certa!

    ResponderEliminar
  2. Fiquei mesmo feliz quando soube da notícia ontem! Espero que mais países sigam o exemplos destes 22.

    ResponderEliminar
  3. É isso mesmo, a vitória não é dos homossexuais, mas sim de todos nós, que finalmente estamos a progredir! Aleluia! Fiquei tão feliz quando li a notícia, grande passo!
    Mas o que dizer dessas mentes retrógradas e ignorantes que não sabem o que dizem ou usam a religião ou coisas nada a ver para justificar a homofobia? Lamentável...

    Diário De Uma Africana

    ResponderEliminar
  4. fiquei sabendo da noticia.. nao tinha como nao saber cara assim que entrei no meu facebook vi a explosão de fotos coloridas :v hsuahusa mas eu sou muito emo gótica vampira dark a solidão me fez roqueira pra colocar foto colorido (quem me conhece sabe que sou mais dark) hausha enfim, foi muito boa a noticia.
    † Inocentemente Ingênua †

    ResponderEliminar
  5. Fiquei tão contente com esta noticia! Foi tão bom saber isto após uma semana com tantas notícias más!
    Claramente que sempre haverá fanáticos... Então esses da religião nem se fala, têm a mania que podem usar Deus para tudo. Que eu saiba, Deus apoia o amor não um bando de idiotas a manifestarem-se contra o casamento gay. x

    dreamingwithpeaches.blogspot.pt ♥

    ResponderEliminar
  6. Mais 174 países e isto já fica realmente uma sociedade igualitária e inteligente! Até lá aplaudo de pé estas pequenas grandes mudanças. E não sei se sabes mas o nosso país também evoluiu um pouco, o Estado Português reconheceu oficialmente o dia 17 de maio, como o Dia Nacional Contra a Homofobia e Transfobia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso que desconhecia. Devagarinho, devagarinho, as mentalidades portuguesas lá vão evoluindo :)

      Eliminar
  7. O problema não é a religião, seja ela qual for, é a interpretação que as pessoas fazem dela...

    Mas sim, foi mais uma vitória para o mundo (=

    ResponderEliminar
  8. Ai, a sério, esses comentários são a coisa mais parva! Mas depois fico feliz por ver a notícia de um casal de senhores que esperou 50 anos para poder casar no USA e tê-lo finalmente feito, tendo sido o primeiro casamento homossexual a ser realizado depois desta lei. <3

    Lena's Petals xx

    ResponderEliminar
  9. Isso foi uma grande conquista, pois o Estados Unidos é um dos país que influenciam outros e espero que isso possa trazer novas conquistas para a comunidade LGBT. É uma pena esses crentes que se acham os donos da verdades propagarem o ódio contra essa comunidade, falam que só Deus pode julgar mas saem julgando até a irmã que vai com a saia desfiada para o culto. O amor é uma arma poderosa contra tudo. Agora vamos torcer também para acontecer novas conquistas não só para os gays, mas também conquistas contra o racismo, contra a violência, a desigualdade social e etc.

    Adorei a postagem!
    ANDYZANDO

    ResponderEliminar
  10. Ahahaha, mesmo! E faz parecer que saímos de dentro de um filme qualquer rodado nos States :D

    Amor é sempre amor. Só o amor é capaz de vencer mesmo que a muito custo. Estou feliz pelos Estados Unidos que sempre mostrou a grande vontade de mudar. Tenho é pena de pessoas que ainda pensam que estamos no século 20. A diferença não é aceite por todos nem nunca será, infelizmente... :/

    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  11. E depois venham dizer que o governo dos EUA ficou um horror cdesde que Obama subiu ao poder. Desde que ele lá está já tentou igualar o acesso aos serviços de saúde, já tentou amortizar as dívidas dos jovens para que haja mais acesso ao ensino superior e, agora, esta enorme notícia. O Obama foi a melhor coisa que aconteceu aos EUA até hoje, na minha opinião. Pena que seja o seu último mandato.

    ResponderEliminar
  12. Fiquei feliz com a notícia, já tava mais que na hora ne? Vi comentários bem misturados no Facebook, pessoas confundindo as coisas, gente com comentários preconceituosos sem cabimento.

    Obrigada pela visita!
    blogstrashrock.blogspot.com

    ResponderEliminar
  13. Fiquei super feliz quando saiu a noticia, e foi algo tão viral, e senti tanto orgulho <3
    Sua materia ficou perfeita.. amei o blog, já seguindo

    Amei o post. seguindo~ xoxo
    http://its-sucker.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  14. Heey!
    Eu fiquei muito contente com a notícia! Eu acho que o amor deve prevalecer e que a reciprocidade deste sentimento entre indivíduos, sejam eles, ou não, do mesmo gênero, é algo que deve ser zelado.
    #LoveWins
    Abraços!!
    Blog - Desbravando o Infinito

    ResponderEliminar
  15. Esses comentários só demonstram, muitas vezes, que há pessoas que desconhecem, por completam, a religião que "praticam". Seja como for, acho que é mais um passo na direcção certa. Temos que lutar todos para as coisas irem mudando :)

    Isa,
    http://isamirtilo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Esses comentários nem merecem que eu diga nada.
    Bom post :)
    Nova seguidora :D

    Helena,
    girlyworld4girls.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  17. Foi um grande passo em frente! :D
    Quanto aos comentários, dão-me náuseas. Opto por nem ler tais parvoíces!

    http://rapazdobuzio.blogspot.pt/2015/06/1-vou-para-faculdade-e-agora-conselhos.html

    NOVO POST!! :)

    ResponderEliminar
  18. Já não era sem tempo! Acho que é um direito que devia ter sido sempre visto como algo normal e aceitável! Espero que em breve o resto do mundo também já aceite porque todos merecemos as mesmas oportunidades independentemente dos gostos de cada um.

    ResponderEliminar
  19. Não entendo como é que, no século em que estamos, ainda há pessoas a pensar e a escrever comentários como os que publicaste. São uns retardados!

    Haja quem os entenda, sinceramente.

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...