Pages

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Pecados Mortais | Gula


Tenho que admitir, adoro comida. Desde miúdo nunca causei qualquer tipo de problema com as refeições. Como se costuma dizer, sempre "limpei o prato". Ainda assim, de tempos a tempos penso que deveria começar a ter uma alimentação mais saudável. 

Já tentei, mas na minha casa é praticamente impossível. A minha mãe diz que se comprar apenas comida saudável passamos fome. Até percebo o que ela quer dizer. Basta ir ao supermercado e ver que todos os produtos saudáveis custam quase o dobro do preço das comidas "comuns". Assim é difícil. Atenção, não sou daquelas pessoas que come fritos todos os dias, ou que quando vai às compras tem que comprar um chocolate. Mas sempre que há doces em casa, não duram muito tempo.

Em criança deram-me coca-cola para experimentar e ainda hoje continuo a beber às refeições. Criminal, eu sei. Ao longo dos anos já deixei de beber durante alguns meses, mas acabo sempre por ter uma recaída (ena, parece que estou a falar de álcool).
Com doces é praticamente o mesmo. Sempre fui guloso, mas consigo passar sem eles. O problema é que o meu pai gosta de comprar palmiers, pastéis de nata e afins, e assim é complicado resistir. "É só desta vez", penso eu. Nunca é.

Pizza é o meu calcanhar de aquiles. Não sou pessoa para dizer que é o meu prato favorito, porque lembro-me automaticamente do Biggest Loser, mas que está no top de "comidas" predilectas, está. Para que não haja dúvidas, estou a falar de pizza a sério, de Pizza Hut. Muitas vezes penso que se trabalhasse num desses estabelecimentos era o meu fim. Depois de uns dois meses provavelmente tinha que rebolar até casa. Dizem-me sempre que ia acabar por enjoar, mas o pior é que sei perfeitamente que não.

Nem vou entrar no território das sobremesas porque tinha conversa para três horas. Mousses, tartes de natas, doces da avó, tudo o que possam imaginar. Confesso que fiquei um bocadinho diabético só de pensar no assunto. Sei que por esta altura devem estar a achar que sou um autêntico glutão, e não estão errados. Mas volto a frisar que por gostar de estas comidas não quer dizer que as coma constantemente. Para terem uma ideia, a última vez que fui à Pizza Hut foi há um ano.

Vai fazer um mês que comecei a fazer exercício físico diariamente. O que trouxe o meu pai hoje para casa? Bolas de berlim. Recheadas! Eu não digo? A comida é para mim como a tentação da cobra para a Eva, lá no paraíso. Este post vai ser o pesadelo de qualquer nutricionista, mas olhar para as imagens não engorda. Só me faz mal à alma.

8 comentários:

  1. "O problema é que o meu pai gosta de comprar palmiers, pastéis de nata e afins, e assim é complicado resistir. "É só desta vez", penso eu. Nunca é." SAME!!

    Já tentei fazer exercício física e durante um mês consegui resistir, mas a minha mãe continuou a comprar bolos e eles acumulavam-se, porque eu não os comia. "Come o bolo, isto não vai ficar aqui a estragar-se" -.- É impossível resistir. Coitadinhos, podem ficar podres! xD

    Também amo pizza, mas hambúrgueres são a minha perdição.

    ResponderEliminar
  2. Ai meu deus, sou igual!!!!!! Adorei o post!

    http://vivo-na-hesitacao.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Nem acredito que vim aqui à hora do lanche haha é que aqui ao lado de minha casa há uma pastelaria maravilhosa. Só o cheiro dá fome a quem não tenha. Costumo dizer que tenho um estômago só para as sobremesas haha

    Isa,
    http://isamirtilo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Eu tenho um sério problema com o chocolate! É quase certo que todos os dias como alguma coisa com chocolate. É algo que preciso mesmo, por mais estranho que pareça. Talvez seja uma questão de hábito, mas a verdade é que já tentei deixar de comer chocolate todos os dias e não resultou muito bem. É como se sentisse falta de alguma coisa. O chocolate é, por isso mesmo, o meu grande pecado no que toca à comida. Pode ser chocolate a sério ou qualquer coisa com chocolate (bolachas, bolos, etc). E nem precisa de ser muito. Basta um bocadinho e fico satisfeito.

    Basicamente esta publicação podia ter sido escrita por mim. Acho que comer é sem dúvida uma das melhores coisas da vida. Não há nada que me deixe tão bem. E apesar de não me alimentar terrivelmente mal, também acho que deveria ter mais atenção. E já tive o mesmo problema que tu com a coca-cola. Deixei de beber durante meses e bebia só água. Agora ando a desleixar-me um bocadinho novamente...

    Por fim deixa-me dizer-te que adoro a maneira como abordas os diversos temas aqui no blogue. O teu cantinho está cada vez melhor :)

    ResponderEliminar
  5. Ahah, como te compreendo! Ando a fazer imensas corridas e toda a gente leva bolos para o trabalho... torna-se difícil =P mas temos que ser fortes (ou não)

    ResponderEliminar
  6. ADOROOOO... RS + Ultimamente tenho me controlado. Abraço.

    Blog Cereja Cariri

    ResponderEliminar
  7. Revejo-me nas tuas palavras... eu adoro comida. Mesmo! E sou a louca da Coca-cola, se fico muito tempo sem beber também tenho dessas recaídas, sou totalmente viciada. E quando saio da escola, tenho de fazer um esforço enorme para não entrar no supermercado mais próximo e comprar um monte de porcarias... sou péssima no que toca a alimentação saudável, I know xD

    xx

    http://diariodeumafricana.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Obrigado pela leitura e comentário!
Eventuais questões serão respondidas aqui, na respectiva publicação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...